Resenha #165: Sorrisos Quebrados

Título: Sorrisos Quebrados
AutoraSofia Silva
Editora: Valentina
Nº de Páginas: 232
Sorrisos Quebrados gira em torno de três personagens: a jovem Paola, a pequena Sol e seu pai, André. Os três são vítimas de violências distintas, que deixaram marcas profundas em cada um. Trata-se de uma história de superação de dores, magia, estrelas e de como importantes laços humanos podem se formar a partir da autoaceitação, da arte e da tolerância no cotidiano.
Olá pessoal, tudo bom com vocês? Hoje venho com a resenha de um livro que li no ano passado e simplesmente me encantei com sua poesia e simplicidade. Vamos conversar um pouco sobre Sorrisos Quebrados, a autora Sofia Silva?


Paola é uma mulher que acreditou ter encontrado seu príncipe encantado quando conheceu Rodrigo: O homem carinhoso, bem sucedido e desejado por várias mulheres a fazia acreditar que era a mulher mais sortuda do mundo por tê-lo ao seu lado, devendo agradecer sempre por sua presença junto a ela.

Após o casamento, Paola vê o conto de fadas se tornar um verdadeiro pesadelo. Rodrigo se mostra um homem possessivo, cruel e que a agride física e emocionalmente, transformando a vida da mulher em um verdadeiro inferno.

Em um de seus ataques ele está disposto a matar a mulher, entretanto, Paola sobrevive.

Anos depois, acompanharemos Paola tentando se curar das feridas que aquele relacionamento abusivo deixou e é nesta fase de sua vida que somos apresentados a André e Sol, pai e filha que também carregam seus próprios fantasmas relativos a uma dolorosa história de abuso.

A vida desses personagens se cruzam por causa da menina, momento em que passamos a acompanhar uma bela história sobre recomeço, amor, mudanças e segundas chances.
Todo dia é um recomeço.
Todo dia eu renasço.
Todo dia eu me levanto.
Todo dia eu não desisto.
Todo dia eu vivo como se não tivesse todos os dias.

Se você acompanha o booktube e os blogs literários, provavelmente ouviu falar muito do livro de Sofia Silva, que foi um verdadeiro sucesso entre os leitores.

Confesso a vocês que estava com um pé atrás de ler um livro que vinha causando tanta comoção nos leitores, pois isso geralmente me enche de expectativas que nem sempre são supridas.

Iniciei a leitura acreditando que a história de Paola me levaria às lágrimas do início ao fim e que não foi exatamente isso que encontrei, mas não se engane, o livro foi diferente do que esperava, mas isso não quer dizer que não o achei incrível.

Começamos a leitura com um prólogo extremamente pesado, carregado de sentimentos e de uma história de relacionamento abusivo que é ficcional, mas que poderia estar acontecendo com uma mulher real em qualquer canto do mundo. Quantas histórias reais de ‘homens perfeitos’ que passam a ser controladores a abusivos após o casamento não vemos por aí?

Esse prólogo me atingiu com tudo e me levou sim as lágrimas. Ver o sofrimento de Paola, a forma como era controlada através de terror psicológico por um homem em quem confiou e a quem entregou seu coração foi doloroso. Ver o desfecho dessa trágica história me atingiu na alma.

Depois deste prólogo que foi um verdadeiro tiro, passamos a acompanhar a história de Paola seis anos depois, quando suas feridas físicas já cicatrizaram, mas as feridas que carrega na alma permanecem abertas.

Foi aí que o livro foi diferente do que esperava. Acreditei que acompanharia uma história parecida com a de ‘No escuro’, onde acompanhamos a personagem em boa parte de sua vida em relacionamentos abusivos, entretanto, o que Sofia realmente nos mostra aqui é o processo de cura, a luta para se reconstruir e reinventar.

A partir daí a história de Paola, Sol e André não mais encheu meu coração de agonia e sim de esperança.

Ver a história de personagens tão distintos aprendendo a transformar a dor em esperança encheu meu coração de sentimentos bons. A forma como a autora usa a arte para ajudar seus personagens a juntarem seus pedaços é extremamente bonito e tocante.

Todos os personagens são bem construídos e críveis, com destaque aqui a Sol, uma garotinha que tem dificuldades de confiar nas pessoas, mas que é de uma pureza e doçura que é impossível não se apaixonar por ela.

O romance entre André e Paola acontece gradativamente e no tempo certo, convencendo o leitor e fazendo com que fiquemos na torcida por eles.

Enfim! Aventurei-me nesta história esperando muitas lágrimas e terminar com o coração partido e acabei deparando-me com um enredo agridoce, muito bem desenvolvido e extremamente tocante, que me ganhou por inteiro e por isso convido vocês a conhecerem e se emocionarem também com esta história. Deixe-se encantar por sol, se emocionar com Paola e André e ser tocado pelas cores. Vocês não vão se arrepender ♥

Espero que tenham gostado da indicação e hoje! Não deixem de comentar ok? Beijos e até o próximo post!

16 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Eu sou doida pra ler esse livro! Tanto pela história e pelos personagens que a Sofia criou, quanto pela própria sofia, que é um amor de pessoa, sempre muito carinhosa com os leitores. A história que ela fez é linda demais, porque além de mostrar a dor de uma pessoa que amor e foi machucada a tal ponto de se fechar parar amar novamente, ela mostra as diversas formas de amar, e como o amor pode curar de verdade! Super desejado!


    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  3. Olá,

    Já li críticas boas e ruins em relação a esse livro. Gosto muito dessa capa, acho linda! E tenho curiosidade em conhecer a história de Paola. Além disso, gosta da temática relacionamento abusivo, acho que é uma temática que precisa ganhar cada vez mais espaço.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Um conteúdo muito denso e que alcança o leitor de maneiras inesperadas. Adoro livros que apesar de ter temática forte, conseguem não apenas nos tocar com os dramas, mas também com a forma de escrita que não te arrasa, apesar de revirar nossos sentimentos.
    Sua resenha está ótima. Bem descrita e pontuada nos lugares certos.
    Eu tinha ele físico, mas dei para uma amiga. Fique com o e-book. Ando praticando o desapego.

    Beijos.

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Polly!

    Tudo bem? O tema abordado por Sorrisos Quebrados é realmente muito forte, já li algumas outras resenhas que variam em falar que o livro é ótimo e que ele é mediano e não aborda tão bem assim as questões do relacionamento abusivo e que esperavam mais.

    Confesso que tenho bastante curiosidade de ler Sorrisos Quebrados porque acho mesmo que precisamos de mais obras que falem sobre relacionamentos abusivos. Que bom que o livro não trouxe tantas lágrimas e que a trama e os personagens te conquistaram. Ainda não sei quando vou ler, mas realmente quero conhecer a história.

    Beijinhos
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  7. Oiee Polly ^^
    Preciso confessar que depois de ler esse livro, fiquei com um pouco de medo e receio de homens num geral...haha'
    Achei o começo tão forte e pesado que quase deixei o livro de lado, mas continuei firme e fui até o fim. O livro é muito lindo, né? Me apaixonei pela história e pelos personagens (Sol é um tesouro!) ♥
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  8. Oie!

    Eu já vi muitas pessoas falando super bem dessa obra, mas toda a vez que leio a sinopse ou alguma resenha não bate a curiosidade, o interesse, sla acredito que a história não é para mim, mas fico feliz que tenha gostado!

    Bjss

    ResponderExcluir
  9. Heiii, tudo bem?
    Desde o lançamento de "Sorrisos Quebrados", que estou de olho no livro.
    Acho que até agora não li ninguem falando mal da Sofia Silva, já me falaram que tocam a alma de tão lindo.
    Amei a sua resenha, gostei dos pontos que ressaltou e acho que vou ter a mesma opniao que vc, lindas fotos.
    Gostei da dica.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  10. eu to a um tempo louca por esse livro e pelo que vi a historia é muito bonita e forte logo logo ele vai ta na minha estante
    BLOG♥ Coisas da bueno

    ResponderExcluir
  11. Olá!

    Eu comprei esse livro na Bienal ano passado, conhecia a autora e ainda não li :| Uma colaboradora resenhou para o blog e tirou essa tarefa das minhas mãos, então acabo protelando um pouco mesmo estando louca de vontade de conferir e me apaixonar assim você você, sua resenha só mostra o quanto eu estou perdendo e eu te amo por jogar isso na minha cara.

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Olá! Eu li esse livro e ficava com o coração na mão a cada reviravolta. Demorou para ter um felizes para sempre né? A autora caprichou no drama. rs Que bom que vc gostou da leitura!
    Bjos
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  13. Olá, que bom saber que você gostou dessa leitura. Li Sorrisos Quebrados há alguns meses e também foi uma leitura diferente do que eu imaginava, mas que gostei muito. Lindas as fotos que colocou na resenha.

    ResponderExcluir
  14. Olá! Li esse livro esse ano também, e assim como você fiquei extremamente impactada com essa história. Iniciei a leitura com medo de as minhas expectativas não serem supridas, mas simplesmente me apaixonei pela Paola e pelos personagens secundários. Enfim, adorei conferir suas impressões e perceber que tivemos sensações parecidas, rs. Beijo!

    ResponderExcluir
  15. Primeiramente, queria dizer que quando eu crescer, quero saber fazer composições ara fotos e ficar tão bonita como as suas!!!! <3
    Em segundo, eu já estou de olho nesse livro a u bom tempo.
    Sa reseha está incrível e só me deixou com mais vontade ainda de ler!
    Obrigado pela dica e parabéns pela resenha e fotos!!

    Beijinhos!

    #Ana Souza
    https://literakaos.wordpress.com

    ResponderExcluir
  16. Olá Polly,
    Fico muito contente que esse livro tenha te agradado e que tenha te passado essa questão de esperança, eu me senti assim quando o li também, mas tive problemas em relação a forma como a Paola e André se curam. Para mim, o ponto mais alto do livro foi a Sol.
    Adorei sua resenha e conhecer seu ponto de vista.
    Beijos

    ResponderExcluir