Destaques

Resenha #264: Outra Vez

Por Polly - Entre Livros e Personagens •
01 outubro 2020

Olá pessoal, tudo bom? Hoje é dia de resenha aqui no blog e venho contar um pouco da minha experiência de leitura com um livro nacional incrível, que me arrebatou e acrescentou um novo crush literário em minha vida. Que tal conferir minhas impressões de leitura com Outra Vez, da autora Ivi Campos?

Outra vez é um romance nacional incrível, que vai nos contar a história de Amanda, a típica “boa menina”. Sempre foi temente a Deus, seguiu as regras e tentou ser sua melhor versão. No entanto, suas crenças foram abaladas quando perdeu seu marido, o homem pelo qual sempre foi apaixonada, que faleceu em virtude de um câncer.


Amanda passou por diversas provações, no entanto, continua cuidando das filhas – seu bem mais precioso – e sendo diretora de um importante colégio de São Paulo. Ela não tinha qualquer pretensão de se apaixonar de novo, no entanto, como a vida é cheia de surpresas, um certo espanhol cruza seu caminho, mexendo com seu coração há muito adormecido.


Pablo é professor de história, apaixonado por sua profissão, que se candidata a uma vaga no colégio onde Amanda é diretora.


Logo surge uma atração entre os dois, no entanto, as coisas não serão fáceis. Amanda precisará baixar a guarda e se permitir sentir de novo e não será fácil para Pablo derrubar as barreiras e superar os receios de Amanda.


Além das barreiras emocionais, eles ainda terão de lidar com preconceito pela diferença de idade entre eles e com uma ex-aluna enlouquecida.


E é em meio a esse enredo que conhecemos um romance apaixonante, que aborda diversas temáticas importantes, repleto de risadas, cenas envolventes e muita música boa.

Outra vez é aquele tipo de livro com uma premissa simples, despretensiosa, que nos enreda desde suas primeiras páginas e nos proporciona uma experiência de leitura simplesmente sensacional.


Um ponto que chamou minha atenção logo no início da história foi o amor dos personagens por sua profissão. Amanda é diretora de um colégio, Pablo é professor e os dois são apaixonados por sua profissão, possuindo aquela certeza de que só a educação pode mudar a realidade. Ambos têm a convicção de que um bom professor pode mudar a vida de um aluno e isso foi algo que me aproximou da trama de cara.


Minha mãe foi professora durante muitos anos e ela tinha essa mesma certeza, essa mesma fé dos personagens. Foi por acreditar na sua profissão que ela fez diferença na vida de tantos alunos e ver esse sentimento que cresci presenciando em personagens tão bem escritos já me deixou repleta de carinho pelo livro.


Falando dos personagens, bem, eles têm aquele tipo de construção que se assemelha muito ao real, sabe? Eles foram criados com suas questões, com seus erros e acertos e isso só faz com que nos afeiçoemos a eles, que nos sintamos mais próximos da história.


O relacionamento entre eles é algo que acontece de forma gradativa, natural. Os dois vão se encantando, se apaixonando e nós, leitores, vamos nos apaixonando pela ideia dos dois juntos. A química entre ele é simplesmente sensacional e eu terminei a leitura fã de carteirinha do casal que Pablo e Amanda formaram.


A Ivi construiu um relacionamento onde eles se somam, sabe? Se fazem bem e isso reflete nos que estão a seu redor. Aqui não temos um casal que concorda com tudo ou que venera cada palavra que o outro fala, mas sim um casal saudável que sabe discordar e que respeita suas diferenças e eu simplesmente amo isso pois é simples e real.  Saí dessa história com um novo shipp e com um novo crush (essa leitora que vos fala tem um fraco por personagens espanhóis rs).

Mas não pense que este livro se limita apenas ao romance, muito pelo contrário. Além de trazer à tona o amor pela educação, ele ainda trata de bullying, violência no âmbito escolar, homofobia, preconceito pela diferença de idade entre um casal, depressão, religião e fé.


Todos os temas são abordados de maneira muito pertinente, no entanto, quero dar destaque aos dois últimos pontos, que foram tratados de uma forma muito respeitosa e trouxe uma mensagem de respeito extremamente importante. Você não precisa ter fé para ser uma pessoa boa. Você não precisa acreditar em Deus e está tudo bem, assim como está tudo bem acreditar. É tudo questão de respeitar a crença ou a não crença do próximo.


Além de tudo o que já falei, ainda temos personagens secundários incríveis, dando destaque as filhas da Amanda, que são crianças formidáveis, que só abrilhantam e deixam a trama mais leve.


Mas se você acha que acabou, se engana. Ainda temos a “cereja do bolo”: uma trilha sonora incrível (disponível no spotify) que só nos aproxima ainda mais da trama, deixando-a mais leve e envolvente.


E acho que deu para perceber o quanto amei esse livro né? Poderia falar mais um monte de coisa sobre ele, no entanto, não quero estragar a experiência de leituras de vocês! Depois de tudo o que falei, só me resta recomendar mil vezes essa leitura, com a certeza de que vão se apaixonar por essa história também. É aquele tipo de livro que nos ganha por completo (até sinto falta dos personagens rs), então simplesmente leia!!


Espero que tenham gostado da recomendação de hoje. Não deixem de comentar, ok? Beijos e até o próximo post!




Título: Outra Vez

AutoraIvi Campos

Nº de Páginas: 471

Amanda foi uma típica “boa menina”. Filha de família evangélica, duas filhas inteligentes e diretora de um dos colégios mais importantes de São Paulo. Mas uma coisa não está certa em sua vida... Seu primeiro e único amor morreu e por essa e outras razões, algumas certezas se perderam para sempre dentro dela.
Mas a vida lhe apresenta Pablo, um professor estrangeiro que fará parte de sua equipe de trabalho e que lhe mostrará que a paixão pode fazer parte da sua vida novamente. Juntos eles não vão apenas viver um romance, mas tentarão vencer os preconceitos e sobreviver à perseguição de uma ex-aluna enlouquecida.
Uma história com música, risadas, tensões e que te prenderá da primeira à última página.




Comentários via Facebook

15 comentários:

  1. Oi Polly.

    Estou conhecendo este livro através da sua opinião e parece que é uma leitura que proporciona uma experiência muito boa durante a leitura. Vou anotar sua dica para adquirir ele quando voltar a ler livros do gênero, pois no momento estou lendo livros do gênero terror e mistério. Parabéns pela resenha.

    Bjos

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem? Nossa, não conhecia o livro, mas ele parece ser bem intenso. Gostei do que disse sobre, e as várias temáticas relevantes que é trabalhada. Não sou muito de ler nacional, mas vez ou outra um título me chama atenção e esse foi o caso. Adorei!
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oiê, tudo bem?

    Já tinha visto em outro blog uma resenha sobre esse livro e desde lá fiquei curiosa. Adorei ler sobre seu ponto de vista e tô com a certeza que esse é um livro que vai me agradar!

    Beijão!

    ResponderExcluir
  4. Oi Polly, sua linda, tudo bem?
    Livros e músicas juntos? Amei! Engraçado, assim que você disse que ele era professor, achei que o obstáculo seria trabalharem na mesma escola, tipo romance no trabalho, ainda mais ela sendo a diretora. Não é fácil se entregar a um novo amor depois de um luto. Parece ser um boa leitura, ainda mais pelos temas que aproveitou para discutir dentro do cenário da escola. Dica anotada!
    bjs.
    cila.

    ResponderExcluir
  5. Oi Polly, tudo bem?

    Nossa, eu nunca tinha ouvido falar do livro nem da autora, apesar de achar o enredo de cara meio estranho (mas isso se deve a minha profissão hahahah) ele parece ser bem intenso e ser uma leitura agradavel, principalmente vendo o quanto você gosteou dessa história. Vou colcar na listinha e espero dar uma chance em breve! Adorei as fotos e o vídeo!!

    ResponderExcluir
  6. Olá!

    O nome da autora não me é estranho, devo a conhecer das redes sociais.
    Imagino a dor que a personagem deve ter sentido, não me imagino em uma situação como a dela, deve ser tão doloroso.
    Feliz que o relacionamento acontece de forma natural, apesar dos contratempos que eles enfrentam, fiquei na torcida pra tudo ter dado certo!

    ResponderExcluir
  7. É triste pensar em tudo o que a mocinha passou, tendo que criar sozinha duas filhas e lidar com a perda do homem amado. Fico feliz por ela ter uma segunda chance de amar, de recomeçar.

    São muito importantes os temas abordados e me alegra saber de todo o respeito em relação a religião, a fé. E concordo que ser uma pessoa boa ou não independe de religião.

    ResponderExcluir
  8. Oiii!

    Que capa linda (amei as fotos) eu não imaginava que o enredo era tão complexo, fico feliz em ver que houve um cuidado ao criar o enredo para que não ficasse só mais um cliche de segunda chance no amor. Outro ponto bom é que houve uma exploração bacana no cenário escolar.
    Dica anotada!

    Beijinhos,
    Ani
    www.entrechocolatesemusicas.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oie, tudo bem? Não conhecia o livro mas achei a premissa incrível principalmente por ser tão rica em detalhes. Falar sobre amor, relacionamentos, sobre o ser humano é sempre complexo ainda mais quando envolve perdas. Muitas pessoas não conseguem superar e abrir o coração para novas experiências. Deve ter sido um momento bem difícil para nossa protagonista. Obrigada pela indicação! Um abraço, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  10. Olá tudo bem ?
    No começo quando vi o nome da autora achei que era até um blogueira literária de mesmo nome. Dito isso, fico feliz em ver mais uma autora nacional trazendo um romance delicioso de ser lido e que nos envolve com o cenário, que foge ao mais do mesmo.
    Dica anotada.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi oi querida,
    já li muuitas resenhas da obra da Ivi, e adorei saber que você também gostou do enredo e escrita dela. Porém, não é um livro que leria, pois, sou estudante de Medicina e passo a maior parte do tempo lendo livros didáticos para a faculdade. Amei as suas sinceras palavras e espero que todos gostem, porque você foi super sincera e ressaltou todos os pontos bons e ruins que podemos encontrar durante a leitura.

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  12. Nossa, essa história parece ser intensa e impactante, fiquei curioso para saber da história na íntegra. Anotada a dica para ler em breve.

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bem?
    Eu confesso que não conhecia o livro e não me é estranho o nome da autora (mas me parece que não é a blogueira), me parece ser uma história bem envolvente e intensa. Eu gostei da sua resenha, ficou bem caprichada e achei as fotos lindas.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  14. Acompanho a autora nas redes sociais, já li algo dela, mas tem um tempo. Esse livro em si nunca li, embora já tenha passado por ele por aí. É um livro que leria pra me curar de uma ressaca literária ou quando quisesse ler algo menos denso.

    ResponderExcluir

Instagram

© Entre Livros e Personagens – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in