Resenha #165: Sorrisos Quebrados

Título: Sorrisos Quebrados
AutoraSofia Silva
Editora: Valentina
Nº de Páginas: 232
Sorrisos Quebrados gira em torno de três personagens: a jovem Paola, a pequena Sol e seu pai, André. Os três são vítimas de violências distintas, que deixaram marcas profundas em cada um. Trata-se de uma história de superação de dores, magia, estrelas e de como importantes laços humanos podem se formar a partir da autoaceitação, da arte e da tolerância no cotidiano.
Olá pessoal, tudo bom com vocês? Hoje venho com a resenha de um livro que li no ano passado e simplesmente me encantei com sua poesia e simplicidade. Vamos conversar um pouco sobre Sorrisos Quebrados, a autora Sofia Silva?

Resenha #164: Uma proposta e nada mais


Título: Uma proposta e nada mais
AutoraMary Balogh
Editora: Arqueiro
Nº de Páginas: 272
Primeiro livro da série Clube dos Sobreviventes, Uma Proposta e Nada Mais é uma história intensa e cativante sobre segundas chances e sobre a perseverança do amor.
Após ter tido sua cota de sofrimentos na vida, a jovem viúva Gwendoline, lady Muir, estava mais que satisfeita com sua rotina tranquila, e sempre resistiu a se casar novamente. Agora, porém, passou a se sentir solitária e inquieta, e considera a ideia de arranjar um marido calmo, refinado e que não espere muito dela.
Ao conhecer Hugo Emes, o lorde Trentham, logo vê que ele não é nada disso. Grosseirão e carrancudo, Hugo é um cavalheiro apenas no nome: ganhou seu título em reconhecimento a feitos na guerra. Após a morte do pai, um rico negociante, ele se vê responsável pelo bem-estar da madrasta e da meia-irmã, e decide arranjar uma esposa para tornar essa nova fase menos penosa.
Hugo a princípio não quer cortejar Gwen, pois a julga uma típica aristocrata mimada. Mas logo se torna incapaz de resistir a seu jeito inocente e sincero, sua risada contagiante, seu rosto adorável. Ela, por sua vez, começa a experimentar com ele sensações que jamais imaginava sentir novamente. E a cada beijo e cada carícia, Hugo a conquista mais – com seu desejo, seu amor e a promessa de fazê-la feliz para sempre.
Olá pessoal, tudo bom com vocês? Recentemente a Editora Arqueiro lançou no Brasil um novo livro da Mary Balogh e eu, apaixonada pela escrita da autora, não sosseguei até ler este livro! Agora estou aqui para contar para vocês a minha experiência de leitura com ele. Vamos saber um pouco sobre Uma proposta e nada mais, o primeiro livro da série O clube dos sobreviventes?

Resenha #163: Coragem

Título: Coragem
AutoraRose McGowan
Editora: Harper Collins
Nº de Páginas: 288

ROSE McGOWAN nasceu em um culto e o trocou por outro, mais visível: Hollywood.Rose McGowan se tornou uma das atrizes mais desejadas de Hollywood da noite para o dia quando foi "descoberta" nas ruas de Los Angeles. O estrelato logo se tornou um pesadelo de exposição constante e sexualização. Todos os detalhes de sua vida pessoal se tornaram públicos, e as realidades de uma indústria inerentemente machista emergiam a cada roteiro, papel, aparição pública e capa de revista.Hollywood esperava que Rose ficasse quieta e cooperasse. Em vez disso, ela se rebelou e impôs sua verdadeira identidade e voz.Ela reemergiu sem roteiros nem desculpas, corajosa, controversa e sempre verdadeira. Liderando o movimento de denúncias de assédio sexual na indústria de entretenimento ao expor os crimes de Harvey Weinstein, Rose é hoje um dos rostos do movimento feminista e não hesita ao disparar verdades inconvenientes e exigir mudanças.CORAGEM é seu livro de memórias em forma de manifesto - um relato sem censura nem piedade da ascensão de um ícone millennial, uma ativista sem medo e uma força de mudança imparável determinada a expor a verdade sobre a indústria do entretenimento, trazer à luz uma indústria multibilionária construída sobre a misoginia sistêmica e empoderar pessoas ao redor do mundo a acordarem e terem CORAGEM.
Olá pessoal, tudo bom com vocês? A resenha de hoje é de uma biografia, algo que vocês não costumam encontrar muito aqui no blog, entretanto, precisei vir falar sobre ela, já que é uma obra empoderadora, escrita pela primeira mulher a denunciar o episódio de assédio sexual envolvendo o produtor Harvey Weinstein e a misoginia sistêmica de Hollywood. Vamos falar sobre Coragem, da autora Rose McGowan?

Resenha #162: Sonhos em flor


Título: Sonhos em flor
AutoraEstelle Laure
Editora: Arqueiro
Nº de Páginas: 272
Eden Jones tem 17 anos e o futuro todo planejado. Com o apoio dos pais amorosos, do irmão gêmeo que a entende como ninguém e de Lucille, a melhor amiga de todas, sonha em estudar em Nova York e se tornar uma grande bailarina. Então seu mundinho perfeito começa a desmoronar... Além de não se sair bem no primeiro teste para um balé importante, fica sem chão quando Lucille e seu irmão escondem dela que estão namorando. Mas o destino achou que isso não era o bastante. Eden passa por uma incrível experiência de quase morte, porém volta com muitas perguntas e não consegue retomar a vida. As alucinações com flores negras e com a garota em coma na mesma ala do hospital onde esteve internada a levam a Joe, e só aí ela entende que não ter o controle das coisas pode ser libertador.
Olá, queridos,  tudo bom com vocês? Hoje iremos falar sobre  Sonhos em Flor da Estelle Laure! Ele é o segundo livro da autora e continuação de “Essa luz tão brilhante”, ressaltando aqui que pode ser lido fora de ordem vez que são independentes. Que tal conferir um pouco sobre minha experiência de leitura?

Resenha #161: Os mistérios de Sir Richard

Título: Os mistérios de Sir Richard
AutoraJulia Quinn
Editora: Arqueiro
Nº de Páginas: 280

Sir Richard Kenworthy
Tem menos de um mês para encontrar uma esposa. Ele sabe que não pode ser muito exigente, mas quando vê Iris Smythe-Smith se escondendo atrás de seu violoncelo no musical anual das Smythe-Smith, Richard acha que conheceu alguém muito valiosa. Ela é o tipo de mulher que passa despercebida até a realização de um segundo ou terceiro olhar de outra forma. Mas há algo nela abaixo da superfície, algo quente e ele sabe que ela é única. Iris Smythe-Smith...Ela está acostumada a ser subestimada, com seu cabelo claro e tranquila, mas há uma personalidade astuta que ela tende a esconder, e ela gosta dessa forma. Então, quando Richard Kenworthy se aproxima com galanteios e flertes, parece suspeito. Dando a impressão de um homem que se rende ao amor, mas ela. não pode acreditar que tudo é verdade. Quando sua proposta de casamento se torna uma situação comprometedora obrigatória, você não pode deixar de pensar que há algo escondido por trás disso. . . mesmo que o seu coração diz sim

Olá pessoal, tudo bom com vocês? Hoje venho conversar um pouco sobre um romance de época que finaliza O Quarteto Smythe-Smith: Os mistérios de Sir Richard que, infelizmente, foi minha primeira decepção com a autora. Quer saber o por quê? Continue lendo a resenha!